TENDÊNCIAS E DESIGN > TENDÊNCIAS E DESIGN

Que tal um ótimo champagne para 2011 ?

Dom Pérignon
Dom Pérignon

 

Um novo champagne Dom Pérignon está sendo apresentado, no momento apropriado para se preparar para a comemoração das festas de final de ano.

Dom Pérignon Vintage 2002 reúne características e personalidade marcantes, que o tornam um champagne especial e único.

O lançamento de uma nova safra é o clímax, após anos de árduo trabalho, tanto nos vinhedos quanto nas adegas, durante o descanso dos barris. O fato do Vintage 2002 estar sendo aclamado pela crítica especializada é uma motivação especial e uma espécie de recompensa para o mestre de caves, Richard Geoffroy, e seus colaboradores.

Para ser considerado Vintage, um champagne deve seguir alguns pré-requisitos obrigatórios. Para começar, sua safra deve ser ter sido perfeita, com condições climáticas ótimas e precisas. Após a extração, o champagne deve envelhecer por pelo menos 7 anos antes de seu lançamento. Além disso, características marcantes como a fragilidade e sua personalidade devem refletir os aspectos de sua safra.

A safra de 2002 contou com um período primaveril quente e seco, com insignificantes geadas, e a floração das parreiras beirou a perfeição. O verão foi marcado por longos dias ensolarados, intercalados com dias regularmente nublados e chuvosos. A perfeição das condições climáticas surpreendeu a todos, especialmente após as pesadas chuvas que assolaram os terroirs entre os meses de Agosto e Setembro.

As uvas desta safra renderam ótimos resultados, e a desidratação dos frutos ajudou a alcançar níveis mais altos de maturação. A colheita começou entre 12 e 28 de Setembro.

Ao olfato, o novo Dom Pérignon Vintage 2002 conta com notas de amêndoas frescas em sua abertura, que se abrem imediatamente para acordes de limão e frutas secas, com leves nuances que se caracterizam como defumadas e tostadas.

Ao paladar, a presença do champagne é simplesmente cativante. O paradoxo entre a forte concentração e a suavidade cria sensações diferenciadas no interior da boca, aquecendo-o e dissipando energia e personalidade. O foco principal nas frutas é substituído por notas mais profundas. O resultado é um champagne perfeito, intenso e com uma elegante pitada amarga.

Richard Geoffroy, o chef de cave da maison Dom Pérignon, tem viajado ao redor do mundo apresentando o novo Dom Pérignon Vintage 2002. Dentre suas lembranças sobre esta safra especial, ele se lembra “da textura suave e emborrachada” do início da maturação, e “do aumento de densidade e caráter após alguns anos, lembrando a arrogante safra de 1996”. Em 2002, “o champagne mostrou evolução ao revelar uma complexidade de sabores e aromas ainda maior, mostrando opulência e plenitude ao atingir o período máximo de envelhecimento”.

Sem dúvida, o novo Dom Pérignon Vintage 2002 é uma das perfeitas companhias para brindar os excelentes resultados de 2010 e receber 2011 com energias renovadas e muita sorte!

 

Fonte : www.blogdoluxo.com.br


 

Postado por Equipe BeauTV

Attimo, by Salvatore Ferragamo

Attimo, by Salvatore Ferragamo

A sofisticada grife italiana Salvatore Ferragamo acaba de lançar Attimo

Leia mais

Jóias Diorrete, os jardins de Dior

Jóias Diorrete, os jardins de Dior

As coleções de jóias de Dior têm mostrado toda a excelência e criatividade que a grife evoca

Leia mais

Brinquedos de luxo

Brinquedos de luxo

A história da Peg-Pérego começou no ano de 1949, em San Donà di Piave

Leia mais

Festival de Cinema do Rio 2010

Festival de Cinema do Rio 2010

Anualmente, o Festival do Rio transforma o Rio de Janeiro na capital mundial do cinema

Leia mais